BIA HADDAD MAIA

 

Bia estreia na noite desta segunda em Burnie
Tenista número 1 do Brasil enfrenta a espanhola Goergina Garcia Perez

 

Burnie (Austrália) – Após sua participação no Australian Open, a tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Booking.com/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) continua na Austrália e nesta segunda-feira, a partir das 21h (horário de Brasília), faz sua estreia no ITF W60 de Burnie.
 
A tenista número 1 do Brasil e 195o. do mundo enfrenta na primeira rodada do torneio australiano a espanhola Georgina Garcia Perez, 144o. do mundo e cabeça de chave 7. O confronto é inédito.
Bia vem de uma boa semana no primeiro Grand Slam da temporada. Passou as três rodadas do forte qualifying e chegou à segunda rodada da chave principal.

 

 

Bia encerra participação no Australian Open
Tenista número 1 do Brasil foi superada pela alemã Angelique Kerber, número 2 do mundo, pela segunda rodada do Grand Slam

 

Melbourne (Austrália) – Após cinco jogos – três no qualifying e dois na chave principal -, a tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Booking.com/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) encerrou sua participação no Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada.
 
Na manhã desta quarta-feira (horário de Brasília), Bia foi superada pela alemã Angelique Kerber, número 2 do mundo, por 6/2 6/3, em 1h21min de partida válida pela segunda rodada torneio australiano.
 
“Foi um parâmetro pra mim. Eu já tinha jogado em quadras grandes, contra meninas tops, mas me apressei em alguns momentos. Coloquei ela um pouco maior do que realmente foi no jogo, querendo matar o ponto, eu ser a responsável pelo jogo e sabendo que ela era sólida”, explicou a tenista número 1 do Brasil e 195o. do mundo. “Mas isso faz parte do meu jogo, tenho que ser agressiva, não adianta eu ficar correndo, querendo ficar passando bola”, completou ela.
 
A sequência de cinco jogos no Australian Open deixou Bia satisfeita e otimista para os próximos torneios. “Fecho um Grand Slam muito contente. Primeiro de tudo, há seis, sete meses atrás estava fazendo cirurgia. Depois voltei, tive um final de ano difícil, mas sempre acreditando e trabalhando muito. Consegui passar um quali duríssimo, onde as rivais poderiam estar tranquilamente na chave e passei por isso da melhor forma. Depois, na primeira rodada, foi uma partida difícil também contra a (Bernarda) Pera, uma canhota. Saio de cabeça erguida, sabendo que tentei o meu melhor e muito confiante por tudo que tem pra vir ainda em 2019”, afirmou.

 

 

Bia encara Kerber na Rod Laver Arena: "Quero usufruir o momento"
Partida abre a programação noturna do principal estádio do Australian Open, às 6h da manhã desta quarta (horário de Brasília)

 

Melbourne (Austrália) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Booking.com/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) enfrenta na manhã desta quarta-feira, a partir das 6h (horário de Brasília), a alemã Angelique Kerber, número 2 do mundo, pela segunda rodada do Australian Open.
 
Bia abrirá a programação noturna do principal estádio do Australian Open, a Rod Laver Arena. “Quero usufruir o momento. Não é todo dia que temos a oportunidade de jogar numa quadra como essa. Espero que o estádio esteja lotado. Quero aproveitar essa energia”. A partida terá transmissão ao vivo pela ESPN Brasil.
 
A tenista número 1 do Brasil e 195o. do mundo tentará quebrar duas marcas: vencer pela primeira vez uma top 10 e avançar à terceira rodada de um Grand Slam. No ano passado Bia fez segunda rodada.
 
O duelo entre as duas canhotas é inédito. “Estou confiante e feliz com a minha atuação durante essa semana. Vou com tudo, fazer o meu jogo, independente da adversária, e ver o que acontece”, afirmou Bia.

 

 

 

Bia vence a primeira no Australian Open e desafia número 2 do mundo
Tenista número 1 do Brasil bateu a norte-americana Bernarda Pera, em 2 sets a 1, na madrugada desta segunda, e encara a alemã Angelique Kerber na próxima rodada

 

Melbourne (Austrália) – Em mais uma grande atuação, a tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Booking.com/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) estreou com vitória, na madrugada desta segunda-feira, na chave principal do Australian Open.
 
Bia bateu a norte-americana Bernarda Pera, 68o. do mundo, em 2 sets a 1, parciais de 6/3 5/7 6/4, em 2h22min de partida. “Foi muito bom hoje. Estava muito quente e consegui me manter bem forte de cabeça e acho que isso foi o diferencial. Pra menina era primeira rodada, ela estava um pouco mais nervosa. Em alguns momentos as duas oscilaram, mas faz parte”, analisou Bia, que antes havia vencido as três rodadas do qualifying.
 
Pela segunda rodada, a tenista número 1 do Brasil e 195o. do mundo terá um desafio pela frente: a alemã Angelique Kerber, número 2 do mundo, que passou pela eslovena Polona Hercog, por duplo 6/2. As duas canhotas se enfrentarão pela primeira vez.
 
“Contra a Kerber é ficar firme, manter meu jogo. Aproveitar o ritmo, já que já joguei contra uma canhota e continuar fazendo o meu jogo, não me preocupar com a minha adversária e, principalmente, acreditar em mim!”, afirmou a brasileira que tentará o feito inédito também de chegar à terceira rodada do Australian Open (no ano passado parou na segunda rodada).

 

 

Bia fura o quali e conhece adversária da estreia no Australian Open
Com grande atuação, a tenista número 1 do Brasil derrotou a norte-americana Jennifer Brady pela terceira rodada do quali e disputa pela segunda vez o Grand Slam australiano

 

Melbourne (Austrália) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Booking.com/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) garantiu, na noite desta quinta-feira, sua vaga para a chave principal do Australian Open ao chegar à terceira vitória no qualifying. Bia é a única representante do Brasil no primeiro Grand Slam da temporada.
 
Com grande atuação na terceira e última rodada do quali, Bia superou a norte-americana Jennifer Brady, cabeça de chave 16 do qualifying e 125o. do mundo, por 6/3 6/4, em 1h26min de partida.
 
“Virei um jogo duro, estava 4/1 e vantagem pra ela, com saque e duas quebras na frente e eu consegui lidar com a situação. Fisicamente, senti que ela estava cansada e fiz ela jogar todos os pontos, fazendo ela correr e sair com a vitória”, explicou a tenista número 1 do Brasil e 176o. do mundo.
 
Bia disputa pela segunda vez o Australian Open. No ano passado chegou à segunda rodada, quando foi parada pela tcheca Karolina Pliskova, então sexta favorita ao título do torneio.
 
A brasileira fará sua estreia na chave contra a norte-americana Bernarda Pera, 69o. do mundo. Será o segundo encontro entre as duas. O primeiro aconteceu em 2014, no saibro de Breda, na Holanda, vencido pela norte-americana por 6/1 7/6(8).
 
“Estou muito feliz com a minha atuação no quali. Agora sim entramos no torneio. Estou com uma energia muito boa, confiante e jogando agressiva, o que eu acho que é o principal”, afirmou Bia.

 

 

Bia vence mais uma e está a uma vitória da chave do Australian Open
Tenista número 1 do Brasil derrotou a eslovena Kava Juvan pela segunda rodada do quali

 

Melbourne (Austrália) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Booking.com/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) está a uma vitória da chave principal do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada.
 
Bia enfrenta na noite desta quinta-feira, a partir das 21h (horário de Brasília), a norte-americana Jennifer Brady, cabeça de chave 16 do qualifying e 125o. do mundo.
“Um jogo duro, ela (Brady) saca muito, gosta de jogar de direita. Mas eu também estou sacando bem, firme de fundo e vamos com tudo”, afirmou a tenista número 1 do Brasil e 176o. do mundo, que já jogou contra a norte-americana três vezes e ganhou duas.
 
Pela segunda rodada do quali, Bia superou pela segunda semana seguida a eslovena Kava Juvan, de 18 anos e 180o. do mundo, por 6/3 6/4, após 1h14min de partida. “A menina era nova, eu já tinha jogado contra ela na semana passada e sabia que ela iria mudar algumas coisas no jogo, mas eu fui muito sólida”, observou Bia.
 
A brasileira também destacou: “Foi muito positivo hoje. Joguei bem agressiva, confiante e consegui manter bastante a minha concentração durante todo o jogo. Estou ficando bem estável mentalmente e isso tem me ajudado muito“.

 

 

Bia encara jovem eslovena na segunda rodada do quali do Australian Open
Tenista número 1 do Brasil enfrenta na noite desta quarta-feira Kava Juvan

 

Melbourne (Austrália) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) volta à quadra na noite desta quarta-feira para a disputa da segunda rodada do qualifying do Australian Open.
 
Bia enfrenta a jovem eslovena Kava Juvan, de 18 anos e 180o. do mundo, por volta das 22h30 (horário de Brasília). Esse será o segundo encontro entre duas em uma semana semana. Na rodada de estreia do quali do WTA de Auckland, a brasileira venceu a eslovena em 2 sets a 1, parciais de 3/6 6/4 6/2.
“Não existe jogo fácil ainda mais em Grand Slam. Jogamos na semana passada e ganhei. Vou entrar em quadra e dar o meu melhor”, afirmou a tenista número 1 do Brasil e 176o. do mundo.

 

 

Bia estreia na noite desta segunda no quali do Australian Open
Tenista número 1 do Brasil enfrenta a norte-americana Lauren Davis

 

Melbourne (Austrália) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) inicia nesta segunda-feira sua participação no qualifying do Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada.
A tenista número 1 do Brasil e 176o. do mundo enfrenta na primeira rodada, a partir das 21h (horário de Brasília), a norte-americana Lauren Davis, 157o. do mundo, abrindo a programação da quadra 10.
Esse será o segundo duelo entre as duas. O primeiro aconteceu em 2017, na primeira rodada de Cincinnati, vencido por Bia, com parciais de 6/3 6/2.
“Um jogo duríssimo contra uma menina que já esteve entre as 30 melhores do mundo (foi 26o.)”, avaliou a tenista brasileira. “Joguei com ela em Cincinnatti e venci. Vou fazer o meu melhor, as condições aqui estão boas, as quadras estão rápidas e eu estou bem preparada”, afirmou.
No ano passado, Bia entrou direto na chave principal do Australian Open. Venceu na estreia a australiana Lizette Cabrera e foi parada na rodada seguinte pela tcheca Karolina Pliskova, então sexta favorita ao título do torneio.

 

 

Bia perde a última do quali em Auckland
Tenista número 1 do Brasil se prepara agora para o quali do Australian Open

 

Auckland (Nova Zelândia) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) não conseguiu se classificar para a chave principal do WTA de Auckland, seu primeiro torneio da temporada 2019.
Na noite deste domingo, pela terceira e última rodada do qualifying, Bia foi superada pela holandesa Bibiane Schoofs, 174o. do mundo, por 7/6(6) 6/2.
A tenista número 1 do Brasil e 183o. do mundo se prepara agora para o quali do Australian Open, com início em 7 de janeiro.

 

 

Bia inicia temporada 2019 na Nova Zelândia
Tenista número 1 do Brasil já está em Auckland para o primeiro torneio do próximo ano e define calendário até início de fevereiro

 

São Paulo – Depois de duas semanas de treinamentos intensivos na IMG Tennis Academy, na Flórida (EUA), a tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) já está na Nova Zelândia onde iniciará a temporada 2019 jogando o qualifying do WTA de Auckland, no próximo final de semana.
A tenista número 1 do Brasil e 185o. do mundo fez um mês de pré-temporada. Foram duas semanas em Florianópolis (SC) e outras duas nos Estados Unidos. Bia só retornou ao Brasil para trocar de mala e embarcou para a Nova Zelândia ainda antes do Natal.
“Foi tudo muito rápido, uma semana de férias, um mês de pré-temporada, mas me sinto preparada para começar mais um ano. É bom chegar um pouco antes para já se acostumar com o fuso e estar adaptada”, afirmou a tenista.
 
Antes de embarcar, Bia e sua equipe definiram o calendário até o início de fevereiro: 
 
28/12 – Quali do WTA de Auckland (Nova Zelândia)
07/01 – Quali do Australian Open
14/01 – Australian Open
21/01 – Australian Open ou ITF US$ 60 mil de Burnie (Austrália)
28/01 – WTA de Hua Hin (China) ou ITF US$ 60 mil de Launceston (Austrália)
04/02 – Fed Cup – Medellín (Colômbia)

 

 

Bia encerra temporada e foca em 2019
A tenista número 1 do Brasil faz balanço de 2018, tira poucos dias de férias e inicia pré-temporada no dia 26, em Florianópolis

 

São Paulo – Oficialmente de férias a partir desta sexta-feira, a tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) faz um balanço da temporada e já foca em 2019.
A tenista número 1 do Brasil e 186o. do mundo terá, na verdade, apenas uma semana de férias. A partir do dia 26 deste mês, ela inicia a pré-temporada 2019, visando a parte física em Florianópolis, sua base de treinamentos no Brasil. “Serão poucos dias de férias, mas quero aproveitar para dar uma espairecida e focar na pré-temporada”, afirmou Bia.
2018 não foi como Bia esperava. “Foi um ano difícil. Um ano de mudanças, deixei a Tennis Route, no Rio de Janeiro, para me basear em Florianópolis com a equipe que hoje eu acredito que pode me ajudar dentro e fora da quadra. Passei por uma cirurgia (nas costas) e fiquei três meses afastada das quadras. Foi duro, é sempre difícil para um atleta passar por isso. A gente sabe que a saúde é sempre em primeiro lugar e para mim não foi fácil”, completou.
Bia voltou ao circuito em agosto e seu principal resultado na temporada foi o vice-campeonato do ITF de Tyler, nos Estados Unidos, há duas semanas: “Eu superei esse momento, talvez o mais difícil da minha carreira, saí com uma final de um challenger, terminando o ano melhor, me classificando para um Grand Slam. A gente sabe o quão difícil é estar no circuito”.
“Agradeço à minha equipe, meus patrocinadores e minha família que estão sempre comigo, independente de ter sido um ano mais difícil, de mais derrotas do que vitórias (11 vitórias e 19 derrotas), mas levo como mais um momento de aprendizado que está aí para nos fortalecer, melhorar e colher os frutos mais pra frente. Seguimos firme para conquistarmos os nossos objetivos”, afirmou a tenista número 1 do Brasil.
Bia inicia a pré-temporada no Brasil, mas terminará a preparação na IMG Tennis Academy, em Bradenton, na Flórida. “Será importante ir para lá, pois lá tenho a oportunidade de treinar bastante com as meninas que jogo o ano inteiro”, finalizou Bia.

 

 

Bia é vice-campeã em Tyler
Com a campanha no torneio, Bia deverá subir mais de 50 posições no ranking desta segunda

 

Tyler (EUA) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) foi vice-campeã do ITF US$ 80 mil de Tyler, neste domingo, ao ser superada pela norte-americana Whitney Osuigwe, por 6/3 6/4.
“Eu já esperava por um jogo difícil. Apesar da idade (16 anos), ela joga muito bem. Treinamos juntas durante as semanas que estive na IMG Tennis Academy, então já nos conhecíamos bem”, observou Bia.
“Hoje não consegui jogar como nas últimas partidas, mas foi uma semana muito especial aqui, incrível mesmo, principalmente pelo que passei nos últimos meses. Estar 100% saudável sempre será o meu objetivo. Venho melhorando em quadra e só quero continuar fazendo o meu melhor todos os dias e ver onde posso chegar”, afirmou a tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo.
Pela campanha em Tyler, Bia deverá subir 52 posições no ranking da WTA, que será divulgado nesta segunda-feira, e aparecer na 183a. posição.
Bia joga esta semana o ITF US$ 80 mil de Las Vegas.

 

 

Bia busca título em Tyler
Tenista número 1 do Brasil enfrenta na final do torneio norte-americano, neste domingo, a jovem norte-americana Whitney Osuigwe

 

Tyler (EUA) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) alcançou neste sábado a final do ITF US$ 80 mil de Tyler ao vencer a norte-americana Danielle Lao, 181o. do mundo, em dois sets diretos, por 6/2 6/3, após 1h28min de partida.
“Joguei muito, muito bem hoje”, comemorou Bia. “As condições estavam bem difíceis, mas saquei e devolvi muito e isso acabou fazendo a diferença”, completou.
 
A tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo chega à sua primeira final da temporada. “É muito especial essa final. Voltar de cirurgia (ficou quase três meses fora das quadras se recuperando de uma cirurgia nas costas), vir de seis primeiras rodadas, trabalhando duro, ponto a ponto e acreditando sempre. Sabia que uma hora ia acontecer”, afirmou.
 
Em busca do titulo, neste domingo, a partir das 14h30 (horário de Brasília), Bia enfrenta a jovem norte-americana Whitney Osuigwe, de apenas 16 anos e 309o. do mundo, que surpreendeu na semifinal ao eliminar a suíça Belinda Bencic, 39o. do mundo e principal favorita ao título, por 6/4 2/6 7/6(3). O duelo é inédito.
“Foi uma surpresa a Osuigwe ter vencido a Bencic. Assistimos um pouco da semifinal delas e estamos preparados para amanhã”, finalizou Bia.

 

 

Na raça, Bia chega à semi em Tyler
Tenista número 1 do Brasil superou a búlgara Sesil Karatantcheva e enfrenta a norte-americana Danielle Lao por vaga na final neste sábado

 

Tyler (EUA) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) está na semifinal do ITF US$ 80 mil de Tyler.
Na raça, na noite desta sexta-feira, Bia eliminou a búlgara Sesil Karatantcheva, por 6/1 3/6 7/5, após 2h29min de partida pelas quartas de final do torneio norte-americano.
A tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo alcançou a terceira vitória consecutiva e chega à primeira semifinal da temporada. “Foi o jogo da superação”, admitiu Bia, que chegou a estar perdendo por 4/1 no terceiro set e depois ainda viu a búlgara sacar para o jogo em 5/3.
“Foi necessário muita calma e paciência para construir os pontos, não sair do jogo e botar tudo a perder. Fiquei muito feliz com a minha reação, foi na raça”, afirmou a brasileira.
Em busca de uma vaga na final de Tyler, Bia enfrenta neste sábado a norte-americana Danielle Lao, 181o. do mundo, que passou pela conterrânea Ellie Davis, por 6/1 7/5 nas quartas de final. O duelo entre as duas é inédito.

 

 

Bia vence mais uma e alcança as quartas em Tyler
Brasileira derrotou a norte-americana Louisa Chirico nas oitavas de final

 

Tyler (EUA) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) alcançou nesta quinta-feira as quartas de final do ITF US$ 80 mil de Tyler. Pelas oitavas de final, Bia derrotou a norte-americana Louisa Chirico, 482o. do mundo, por 7/6(3) 6/4, em 1h51min de partida.
 
“Paciência foi a chave para a vitória hoje. Alguns erros que cometi contra ela, na semana passada, dessa vez não se repetiram. Tive tranquilidade para construir os pontos e vencer”, afirmou a brasileira, que no ITF de Macon, semana passada, havia sido superada pela norte-americana.
 
A tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo terá pela frente nas quartas de final a vencedora do confronto entre a norte-americana Claire Liu, cabeça de chave 5, e a búlgara Sesil Karatantcheva.

 

 

Bia estreia com vitória em Tyler
Brasileira venceu a norte-americana Gail Brodsky e aguarda adversária das oitavas de final

 

Tyler (EUA) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) estreou com vitória, nesta terça-feira, no ITF US$ 80 mil de Tyler. Bia venceu a norte-americana Gail Brodsky, 281o. do mundo, de virada, por 1/6 7/5 6/3, após 2h01min de partida, e avançou às oitavas de final.
“As condições estavam muito duras para as duas, ventando muito”, comentou Bia. “A menina (Brodsky) jogou muito sólida, quase não errou no primeiro set. Então, para ter alguma chance de virar o jogo, eu sabia que teria que competir o melhor que podia e jogar cada ponto. Durante o jogo fui me sentindo melhor, mais tranquila, a bola foi entrando no jogo e consegui sair com a vitória”, afirmou a brasileira.
 
A tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo aguarda a adversária da próxima rodada, que sairá do confronto entre as norte-americanas Louisa Chirico, convidada da organização, e Jessica Pegula, quarta favorita ao título. Bia enfrentou Chirico e perdeu, na semana passada, em Macon. Já o duelo contra Pegula seria inédito.
 
Bia e a paulista Paula Gonçalves voltam à quadra ainda nesta terça para a estreia na chave de duplas. Elas encaram as norte-americanas Kristie Ahn e Madison Westby.

 

 

Bia joga quarto torneio seguido nos EUA
Brasileira estreia, nesta terça-feira, no ITF US$ 80 mil de Tyler contra a local Gail Brodsky

 

Tyler (EUA) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) joga esta semana seu quarto torneio consecutivo nos Estados Unidos. Depois de Templeton, Stockton e Macon, Bia faz sua estreia nesta terça-feira no ITF US$ 80 mil de Tyler.
Bia encara na primeira rodada, por volta das 13h30 (horário de Brasília), a norte-americana Gail Brodsky, 281o. do mundo. O confronto entre as duas é inédito.
“Não a conheço, mas sei que ela é mais velha que eu (27 anos), mais experiente”, comentou a tenista número 1 do Brasil e 235o. do mundo. “Não venho de bons resultados, por isso pra mim hoje o mais importante é voltar a jogar meu jogo agressivo, estar tranquila e vencer esse jogo”, completou.

 

 

Bia não avança em simples e busca vaga na semi de duplas em Macon
Brasileira foi superada pela norte-americana Louisa Chirico. Nas duplas, Bia e Paula Gonçalves jogam as quartas nesta quinta

 

Macon (EUA) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) foi superada, nesta quarta-feira, na estreia do ITF US$ 80 mil de Macon, pela norte-americana Louisa Chirico, por 7/6(4) 6/4, após 1h47min de partida.
Bia ainda segue na chave de duplas ao lado da paulista Paula Gonçalves. A dupla brasileira busca vaga, nesta quinta-feira, nas semifinais. Pelas quartas de final, elas enfrentam a parceria formada por Beatrice Gumulya (Indonésia) e Ana Veselinovic (Montenegro).

 

 

 

Bia estreia nesta quarta no ITF de Macon
Tenista número 1 do Brasil enfrenta a norte-americana Louisa Chirico. Nas duplas, Bia e Paula Gonçalves venceram na estreia

 

Macon (EUA) – A tenista paulista Beatriz Haddad Maia (Expressa/ Pro Style Coach/ Eurofarma/ SantoDigital/ Generali/ Joma/ Head/ Solinco/ CBT/ IMG) faz sua estreia, nesta quarta-feira, no ITF US$ 80 mil de Macon, diante da norte-americana Louisa Chirico, vinda do qualifying e atual 559o. do mundo.
As duas se conhecem desde o juvenil, quando se enfrentaram em duas oportunidades: na Copa Gerdau em 2013, vencida por Bia, e no Banana Bowl 2012, vencida por Chirico.
Bia disputa o torneio de Macon após duas semanas de treinamento intensivo na IMG Academy, na Flórida.
 
“Foram dias excelentes, onde pude jogar muitos sets com meninas diferentes, inclusive algumas estão jogando aqui. Essas duas semanas de treinamento serão muito importantes para essa reta final da temporada”, afirmou a tenista número 1 do Brasil e 232o. do mundo.
Nas duplas, Bia e a paulista Paula Gonçalves estrearam com vitória nesta terça-feira. Elas venceram a norueguesa Ulrikke Eikeri e a mexicana Ana Sofia Sanchez, por 6/4 7/5. Nas quartas de final, a dupla brasileira terá pela frente a parceria formada por Beatrice Gumulya (Indonésia) e Ana Veselinovic (Montenegro).

 


Voltar

 

HOME