COPA DAVIS 2017

 

Brasil enfrenta o Japão fora de casa na Copa Davis

Playoffs do Grupo Mundial teve confronto sorteado nesta terça-feira em Londres

 
 
Florianópolis (SC), 11 de abril de 2017 - O Time Correios Brasil terá um confronto inédito na Copa Davis nos Playoffs do Grupo Mundial. O sorteio para definir os confrontos foi realizado na manhã desta terça-feira pela Federação Internacional de Tênis, em Londres. A equipe brasileira jogará fora de casa contra o Japão, entre os dias 15 e 17 de setembro, uma semana depois do US Open, em busca do retorno à elite do tênis mundial em 2018.
“Adversário duro, difícil, nossa expectativa era de jogar em casa, mas não deu certo. O Japão é uma equipe bastante complicada, principalmente jogando fora de casa, tem o Nishikori que dispensa comentários, deve jogar por ser o confronto no Japão. A tendência é de o Japão escolher quadras bem rápidas, como é o próprio ATP 500 de Tóquio. Vamos ter que pensar bem na preparação e elaborar o trabalho a ser feito antes do confronto. Temos que ir com a cabeça firme, sabendo que vamos enfrentar um adversário difícil na sua casa, mas ao mesmo tempo a nossa equipe tem chances de fazer um bom papel”, afirmou o capitão brasileiro João Zwetsch.
 
Esta será a primeira vez que brasileiros e japoneses se enfrentam em jogos de Copa Davis. O último grande resultado do Japão em jogos da Copa Davis foi em 2014 quando parou nas quartas de final. Em 2015 e 2016 a equipe japonesa perdeu na primeira rodada do Grupo Mundial e depois venceu nos playoffs. Neste ano, desfalcado de Kei Nishikori, o Japão foi eliminado pela França em fevereiro por 4 x 1 em Tóquio, no Japão, e disputará novamente a repescagem. Neste último confronto a equipe, comandada pelo capitão Minoru Ueda, contou com os tenistas Yoshihito Nishiota, Taro Daniel, Yuichi Sugita e Yasutaka Uchiyama.
Kei Nishikori tem sido o principal tenista japonês nos últimos anos da Copa Davis. Ele é o atual número 5 do mundo e já disputou 23 partidas nesta competição por equipes, onde venceu 20 partidas. O Japão ainda possui mais dois jogadores entre os 100 melhores do mundo, Yoshihito Nishioka (63º) e Yuichi Sugita (93º).
 
O Brasil derrotou no último final de semana o Equador por 5 a 0 no Club Tungurahua, em Ambato, Equador, pelo Zonal Americano I. A equipe foi formada pelos tenistas Thomaz Bellucci, Thiago Monteiro, Marcelo Melo e Bruno Soares. O resultado garantiu ao time brasileiro a ida aos Playoffs do Grupo Mundial.
O capitão João Zwetsch definirá os tenistas convocados do Time Correios Brasil até o dia 5 de setembro, dez dias antes do confronto, prazo estipulado na regra da Copa Davis para todos os países.

 

A Confederação Brasileira de Tênis tem o patrocínio dos Correios, o co-patrocínio da Tretorn - bola oficial do Tênis brasileiro. Apoio  do Comitê Olímpico do Brasil, Comitê Paralímpico Brasileiro e Ministério do Esporte. Mais informações em Twitter.com/cbtenis, Facebook.com/cbtoficial, Instagram.com/CBToficial e Flickr.com/cbtenis

 

 

 

Brasil fecha o confronto contra o Equador por 5 x 0

Thomaz Bellucci e Thiago Monteiro finalizaram o confronto com mais duas vitórias

 

Ambato (EQU) – 09 de abril de 2017 – Depois de ter conquistado a classificação no sábado com as duplas, o Brasil venceu mais dois jogos contra o Equdor neste domingo pela Copa Davis em Ambato, no Equador, e finalizou o confronto por 5 x 0.
 
O sorteio para a definição dos jogos para os playoffs da Copa Davis será realizado na próxima quarta-feira pela Federação Internacional de Tênis. Os duelos serão disputados entre os dias 15 e 17 de setembro. Os possíveis adversários serão Argentina, Suíça, Alemanha e República Tcheca em casa, Canadá, Rússia e Croácia fora de casa e se for o Japão haverá um sorteio para definir em qual dos dois países será o confronto.
 
Com a vitória do Brasil já garantida, Thomaz Bellucci entrou em quadra contra o reserva Ivan Endara. O primeiro set foi muito equilibrado com vitória no tiebreak de Bellucci por 9/7. No segundo set o brasileiro conseguiu uma quebra de vantagem e fechou por 6/4.
“O confronto foi muito difícil para o Brasil. As condições de 2.500 metros acabaram igualando muito o jogo e foi o que aconteceu nesses dois primeiros dias, ganhei no quinto set, o Thiago no quarto, o Bruno e o Marcelo tiveram um pouco mais de facilidade, mas o jogo sempre muito equilibrado. O mais importante que estamos no playoff de novo e vamos com tudo”, falou Thomaz Bellucci depois da quarta vitória brasileira.
Esta não foi apenas mais uma vitória de Thomaz Bellucci em jogos de Copa Davis. Com este resultado o atleta se iguala ao tricampeão de Roland Garros, o catarinense Gustavo Kuerten, como o terceiro jogador com mais vitórias nesta competição, com 21 no total. Agora Bellucci está atrás apenas de Thomaz Kock, com 46 e José Edson Mandarino com 41 triunfos em jogos de simples.
Thomaz Bellucci não esconde a felicidade de igualar com Gustavo Kuerten a marca de 21. “Importante poder ajudar o Brasil novamente com mais duas vitórias, sempre é gratificante saber que estamos na história do tênis brasileiro. Igualar para mim é uma honra, por tudo que ele já conquistou na Copa Davis, por tantas vitórias memoráveis que ele já teve defendendo o Brasil e, é claro, mais uma conquista na minha carreira”, afirmou o tenista número 67º do mundo.
 
No último jogo, o cearense Thiago Monteiro enfrentou Gonzalo Escobar e conquistou a quinta vitória para o Brasil. Depois de um primeiro set disputado, Escobar venceu no tiebreak por 7/5. No segundo set Monteiro foi mais agressivo e venceu por 6/4. No último set O brasileiro conseguiu duas quebras e fechou o jogo com mais um 6/3.

 

O Time Correios Brasil no confronto Brasil X Equador pela Copa Davis tem o patrocínio dos Correios e o co-patrocínio Tretorn - bola oficial do Tênis brasileiro. Apoio  da Companion Sports, fornecedora de material esportivo e da Probiótica fornecedora de suplementos. Siga tudo sobre a CBT e a Copa Davis em www.cbtenis.com.brwww.facebook.com/cbtoficialwww.twitter.com/cbtenis,www.instagram.com/cbtoficial e www.flickr.com/cbtenis.

 

 

HOME

 

Voltar ao topo