COPA GERDAU 2006

 

Veja o que aconteceu na Copa Gerdau de 2002
Veja o que aconteceu na Copa Gerdau de 2003
Veja o que aconteceu na Copa Gerdau 2004
Veja o que aconteceu na Copa Gerdau 2005

 

Stábile garante título para o Brasil na Copa Gerdau

Espanhol Albert Ramos vence a Copa Gerdau Tenista chegou à 12ª partida invicta em solo brasileiro
 

Porto Alegre/RS - O espanhol Albert Ramos venceu neste domingo a principal categoria da Copa Gerdau de Tênis. Diante de um ótimo público que prestigiou a final na quadra principal da Associação Leopoldina Juvenil, Ramos venceu de virada uma das revelações do tênis francês, Jonathan Eysseric, de apenas 15 anos, por 3/6, 6/0 e 6/3, em 2h de jogo. A vitória valeu a Ramos mais 150 pontos no ranking júnior internacional, além da certeza de participar do torneio júnior de Roland Garros. Esta foi a 12ª partida invicta do espanhol em solo brasileiro. No domingo passado, ele já havia conquistado o título do Banana Bowl, em São Paulo. O vice-campeonato valeu 100 pontos para o francês. "Estou muito contente. Quando cheguei ao Brasil não imaginava conquistar estes dois títulos. E aqui em Porto Alegre foi ainda melhor, pois contei com o respeito da torcida. O público se comportou como deveria, sem falar que o torneio esteve muito bem organizado", disse o espanhol. Com relação ao jogo, Ramos explicou que após a derrota no primeiro set ele mudou totalmente a sua maneira de jogar, atacando mais e forçando o erro do adversário. "Resolvi mudar e isto deixou ele um pouco perdido. Acho que no geral foi uma boa partida para o público", afirmou o campeão, que agora prepara-se para disputar alguns torneios profissionais na Espanha. Albert Ramos nasceu em 17 de janeiro de 1988, tem 18 anos, 1,88 de altura e 75 quilos. O tenista canhoto, natural de Barcelona, treina no Real Club de Barcelona, com o técnico Francisco Mendez e esteve pela primeira vez no Brasil. Começou a jogar com 5 anos de idade, por influência dos pais. Além do tênis, ele joga golfe desde criança, por lazer. Seu ídolo é o espanhol Carlos Moyá. A Copa Gerdau de Tênis tem o patrocínio da Gerdau e Citigroup, com apoio da ATAN, IBM e SAP, TDec e Enterasys. O Sheraton Porto Alegre é o hotel oficial e a competição está sendo disputada com as bolas Dunlop Championship. A organização é da ProTenis Promoções Esportivas.

A campanha de Albert Ramos na Copa Gerdau
1ª rodada: venceu GUILLERMO RIVERA, do Chile - 6/2, 6/4
2ª rodada: venceu RICARDO SIGGIA, do Brasil - 6/0, 7/5
3ª rodada: venceu DANIEL SILVA, do Brasil - 7/5, 6/1
Quartas-de-final: venceu ANDREI MARTIN, da Eslováquia - 6/2, 6/1
Semifinal: venceu DANIEL LOPES, da Itália - 1/6, 7/6(8), 6/4

Mais informações nos sites: www.tenisvirtual.com.br/gerdau www.copagerdau.com.br www.protenis.com.br

 

Voltar ao topo


Stábile garante título para o Brasil na Copa Gerdau

Paulista venceu o pernambucano José Pereira da Silva Jr.

 

Porto Alegre/RS - O paulista André Stábile, de Ribeirão Preto, garantiu ao Brasil o único título de simples entre as categorias 14, 16 e 18 anos da Copa Gerdau. Num jogo bastante disputado com o pernambucano José Pereira da Silva Jr, que atualmente treina em Itajaí, Santa Catarina, Stábile venceu com parciais de 7/6(1), 0/6, 7/6(1). "É muito importante dois brasileiros estarem disputando a final deste torneio. O jogo foi bastante difícil. Já havia enfrentado o Zé Pereira (como é conhecido) e perdi nas duas vezes", lembra. No segundo set Stábile diz que se desconcentrou e errou muito. "No terceiro set eu mudei o jogo e tive melhor aproveitamento na quadra, mas a vitória foi bem apertada", confessa. Stábile, que treina na equipe Adriano Ferreira, em Ribeirão Preto, e que já foi campeão da Copa Gerdau nos 14 anos, em 2004, perdeu na semifinal do Banana Bowl, mas sua vaga na gira européia já estava garantida desde lá. "Este ano a Copa Gerdau está com mais qualidade, com jogadores mais preparados, não só na minha categoria dos 16, mas principalmente nos 14 anos. Os grandes jogadores, que são promessas no tênis, estão reunidos aqui". O jogo dos brasileiros foi assistido por um bom público, que dividiu-se entre os dois finalistas. Porém, no teceiro set, foi notável o incentivo para Stábile. ARGENTINA VENCE NOS 16 ANOS - A argentina Rocio Galarza derrubou a esperança brasileira de título na categoria 16 anos feminino , ao vencer a paulista Flávia Borges de virada, por 1/6, 6/0 e 6/4. No primeiro set a argentina não teve um bom rendimento, chegando a ser atendida pela fisioterapeuta devido a dores musculares na perna esquerda. No segundo set Galarza reagiu, aplicando 6/0 na brasileira e permanecendo em vantagem no terceiro set. "Foi um jogo duro, pois reconheço que minha adversária era bastante forte, pois assisti quase todos os seus jogos e estava temerosa quanto ao confronto de hoje", desabafou a campeã. DUPLAS - As paraguaias Veronica Cepede e Adriana Pereira venceram a dupla brasileira Monique Albuquerque/Juliana Pires por 6/3, 4/6 e 7/5 e ficaram com o título na categoria 16 anos feminino. Nos 16 masculino, a dupla Cristobal Saabedra, do Chile, e Juan Vivanco, do Equador, venceu de virada a dupla brasileira Vitor Mainardi, de Aracajú, e Mário Rolemberg, de Salvador. A Copa Gerdau de Tênis tem o patrocínio da Gerdau e Citigroup, com apoio da ATAN, IBM e SAP, TDec e Enterasys. O Sheraton Porto Alegre é o hotel oficial e a competição está sendo disputada com as bolas Dunlop Championship. A organização é da ProTenis Promoções Esportivas. A final dos 18 anos acontece neste domingo, a partir das 11h, na Associação Leopoldina Juvenil, com transmissão do SporTV.

CAMPEÕES DE SIMPLES JÁ DEFINIDOS
16 SM - Andre Stabile (BRA) d. José Silva Jr. (BRA) - 7/6(1), 0/6, 7/6(1)
16 SF - Rocio Galarza (ARG) d. Flávia Borges (BRA) - 1/6,6/0, 6/4
14 SM - Diego Acosta (ECU) d. João Fernandes (BRA) - Des.
14 SF - Natali Coronel (ARG) d. Melina Ferrero (ARG) - 6/4, 6/2

 

Mais informações nos sites: www.tenisvirtual.com.br/gerdau www.copagerdau.com.br www.protenis.com.br

 

 

HOME

 

Voltar ao topo