TENISTAS BRASILEIROS

 

Thiago Monteiro inicia gira latina de Challengers em Campinas
Tenista já está treinando no interior paulista

 

O tenista cearense Thiago Monteiro, 111o do ranking mundial, começará em Campinas sua participação na gira latina de Challengers, em outubro e novembro. O calendário do jogador de 24 anos conta com sete torneios no saibro neste período, incluindo dois no Brasil.
 
Os fãs de tênis paulistas terão a chance de assistir aos jogos de Monteiro na Sociedade Hípica de Campinas no torneio que acontece entre 1o e 8 de outubro. Na semana seguinte, o cearense vai a Santo Domingo, na República Dominicana. Ele terá uma semana de descanso antes de uma sequência de cinco torneios: em Lima (Peru), Guayaquil (Equador), Montevidéu (Uruguai), Buenos Aires (Argentina) e, finalmente, no Rio de Janeiro, entre 19 e 25 de novembro.
 
"Sempre gosto desta época do ano, jogando no nosso continente e tendo a chance de atuar no Brasil, com o apoio da torcida, no saibro. Espero fazer boas campanhas neste período e voltar ao top 100 do ranking", comentou Monteiro, que já alcançou as quartas de final em Campinas em 2016.
O cearense chega a Campinas no sábado, para a disputa do ATP Challenger, mas já está treinando em Piracicaba. Monteiro vem de uma boa campanha no Challenger de Biella, na Itália, onde alcançou a semifinal. Desde agosto, o cearense é treinado pelo argentino Fabian Blengino.
SOBRE THIAGO MONTEIRO

Thiago Monteiro nasceu no dia 31 de maio de 1994, em Fortaleza, no Ceará. Canhoto, começou a jogar tênis aos 8 anos de idade. Marcou a sua primeira vitória em um torneio ATP, em 2016, no Rio Open, ao derrotar Jo-Wilfried Tsonga.  Alcançou as primeiras quartas da carreira no Brasil Open, naquele mesmo ano, entrando no top 100 pela primeira vez. O melhor ranking da carreira veio em 2017, na posição de número 74. Neste ano alcançou a primeira semifinal de ATP da carreira, em Quito.
Atual 111o colocado no ranking mundial, o brasileiro tem carreira é agenciada pela Linkinfirm de Marcio Torres e conta com o patrocínio da Angá Asset Management, Elemídia, Joma e Babolat.
 

 

 

 

 


Voltar

 

HOME